O melhor fundo de cada gestora a longo prazo


Do universo nacional de gestoras de fundos mobiliários, apenas treze apresentam produtos que existem há mais de uma década, segundo os dados publicados pela Morningstar. Os treze produtos apresentam uma rendibilidade média, no período analisado, de 4,5%, tendo fechado o mês de setembro com perto de 280 milhões de euros em ativos sob gestão.

Entre os treze produtos, existem cinco que se destacam ao apresentarem uma rendibilidade anualizada acima de 5% nos últimos dez anos. O melhor produto do mercado nacional, na última década, pertence à Caixagest e denomina-se de Caixagest Acções Oriente. Com 44 ações em carteira e as maiores posições a pertencerem a cotadas australianas, o fundo tinha, no final de setembro, uma rendibilidade anualizada de 8,70% e mais de 18 milhões de euros em ativos sob gestão.

Com uma rendibilidade anualizada de 7,89% vem em segundo lugar o ES Obrigações Europa, gerido pela ESAF. O fundo tem mais de 46 milhões de euros em ativos sob gestão, com as principais exposições da carteira a irem para títulos de dívida soberana de países como Itália, França, Alemanha ou Grécia.

Com 5 ações e 15 obrigações em carteira e uma rendibilidade anualizada de 7,53% surge, na terceira posição, o fundo Invest AR PPR da Invest Gestão de Activos. Títulos de dívida pública de países como Portugal, Espanha ou Itália, ocupam os lugares cimeiros no que diz respeito às maiores posições em carteira.

Os outros dois produtos que apresentam rendibilidades anualizadas superiores a 5% pertencem à BPI Gestão de Activos e à Millennium Gestão de Activos. Ainda assim, ambos os produtos têm uma característica em comum: investem em mercados emergentes, embora um dos fundos invista numa única região e o outro de uma forma mais global.

No caso do fundo gerido pela BPI Gestão de Activos, o Brasil é o local de eleição. O fundo BPI Brasil apresenta uma rendibilidade anualizada nos últimos dez anos de 7,24%. Este fundo misto tem 36 ações em carteira, embora as suas maiores exposições pertençam a dívida estatal brasileira.

Já no fundo gerido pela Millennium Gestão de Activos, cujo processo de venda ao Grupo CIMD ainda aguarda aprovação das entidades reguladoras competentes até ao final do primeiro trimestre de 2015, as maiores posições em carteira são ocupadas por cotadas chineses ou sul-coreanas. Denominado de Millennium Mercados Emergentes, o fundo tem, no prazo analisado, uma rendibilidade anualizada na ordem dos 6,05%.

Os fundos com melhor performance nos últimos dez anos

FundoEstrelas MorningstarGestora5 anos (%)10 anos (%) Ativos sob gestão 
Caixagest Acções Oriente3Caixagest6,1658,709 18 248 136 €
ES Obrigações Europa5ESAF11,9757,892 46 795 220 €
Invest AR PPR5Invest Gestão de Activos10,0067,553 5 292 206 €
BPI Brasil BPI Gestão de Activos-1,1447,240 53 905 313 €
Millennium Mercados Emergentes2Millennium Gestão de Activos2,6276,052 4 701 243 €
Montepio Taxa Fixa4Montepio Gestão de Activos6,0573,904 9 550 645 €
Santander Multitaxa Fixa3Santander Asset Management3,8913,833 31 649 349 €
BBVA Multiactivo Flexível3BBVA Gest2,8783,136 27 737 198 €
CA Raíz Global3Crédito Agrícola Gest4,0202,488 3 764 466 €
Banif Euro Tesouraria5Banif Gestão de Activos3,1382,481 44 063 603 €
Popular Global 752Popular Gestão de Activos5,3222,262 13 919 647 €
Barclays PPR Life Path 20152Barclays Wealth Mgr. Portugal2,2851,815 18 722 365 €
Patris Tesouraria3Patris Gestão de Activos1,4481,140 238 096 €
Análise Funds People a partir dos dados disponibilizados pela Morningstar a 30 de setembro
Empresas

Outras notícias relacionadas


O Mais Lido

Próximos eventos