Número de transações de M&A em Portugal já superam as do ano passado


As últimas informações divulgadas pela Transactional Track Record (TTR) mostram que, nos primeiros dez meses do ano foram registadas 143 transações, entre anunciadas e concluídas. Este valor é superior ao total do ano passado, onde se registaram 138 operações. Dessas 143 transações, 88 dizem respeito a fusões e aquisições, 31 a negócios de venture capital e as restantes 24 a operações de private equity. Apesar do maior dinamismo no mercado nacional, fruto do maior número de transações registadas, o volume de capital movimentado (cerca de 3.760 milhões de euros) é inferior ao do ano passado, momento em que o valor se situou em quase 19.000 milhões de euros.

Quase 700 milhões de euros em outubro

Em relação ao mês passado, foram contabilizadas 19 fusões e aquisições que envolveram mais de 676 milhões de euros, sendo o segundo maior valor do ano em termos mensais.

Os sectores do desporto e do lazer foram os mais movimentados no mês passado com cinco transações, seguido do sector financeiro e de seguros com quatros negócios.

Já a maior transação efetuada em Portugal, em outubro, foi a Oferta Pública de Aquisição (OPA) lançada pela Fidelidade à Espírito Santo Saúde no valor aproximado de 459,8 milhões de euros. Com 160 milhões de euros a EFG Hermes comprou a EDP Project Éolien, sendo este o segundo maior negócio do mês.

Já o registo da compra da Millennium Gestão de Activos por parte do Grupo CIMD movimentou 15,75 milhões de euros. Esta operação ainda aguarda a aprovação das entidades reguladoras competentes até final do primeiro trimestre de 2015.

A transação do mês

Para a entidade a transação do mês foi a compra da Espírito Santo Saúde por parte da Fidelidade. O valor envolvido foi de aproximadamente de 459,8 milhões de euros. A Fidelidade comprou 91.782.932 ações da ES Saúde a um preço de 5,01 euro por cada ação. Em termos totais, a companhia de seguros adquiriu 96,07% da ES Saúde.

Empresas

Outras notícias relacionadas


Próximos eventos