Tags: Emergentes | Latam |

No Brasil, os Fundos DI são mais atrativos do que a poupança


Na última reunião do Comité de Política Monetária (Copom) a taxa Selic aumentou de 9,5% para os 10%, fazendo com que a rendibilidade dos fundos de categoria DI aumentasse para valores mais altos do que algumas poupanças, segundo a Associação Nacional dos Executivos de Finanças, Administração e Contabilidade (ANEFAC).

Atualmente, as taxas de poupança no Brasil atingem os 6,17% mais a Taxa Referencial, Já os Fundos DI apresentam a desvantagem do Imposto de Renda mais a Taxa de Administração, mas mesmo assim, pode ser mais atrativo do que a poupança.

Os fundos DI

Nos primeiros dez meses do ano, os fundos DI apresentam uma captaçãoo líquida  de 20 mil milhões de reais, sendo a categoria que mais captações, em termos líquidos, em 2013.

Em termos de rendibilidade a categoria atingiu, em outubro, 0,81% sendo que no acumulado do ano vai nos 6,65%. Com estes valor, apenas é ultrapassados pelas categorias Long And Short Neutro e Direcional.

Outras notícias relacionadas


Anterior 1
Anterior 1

Próximos eventos