NB Plano Dinâmico é o flexível mais rentável em 2015


Os fundos flexíveis são, talvez, os produtos com maior amplitude na hora de escolher a composição de uma carteira. De acordo com a Associação Portuguesa de Fundos de Investimento, Pensões e Patrimónios – APFIPP -  os fundos flexíveis caracterizam-se por não assumirem “qualquer compromisso quanto à composição do património nos respectivos documentos constitutivos”. Com estas condições existiam, no passado dia 20 de março, 17 fundos de investimento, segundo os dados publicados pela Associação.

Os produtos que entram nesta categorias são geridos por sete entidades nacionais, com a GNB Gestão de Ativos a ser a casa que mais fundos disponibiliza, totalizando seis produtos que se inserem neste grupo. 

NB Plano Dinâmico destaca-se

O fundo NB Plano Dinâmico, gerido pela GNB Gestão de Ativos, é o produto que apresenta a maior rendibilidade nas primeiras onze semanas do ano. De acordo com a APFIPP, desde do início do ano até ao dia 20 de março o fundo acumula uma rendibilidade de 10,68%, sendo o único produto da categoria que consegue ter uma valorização de dois dígitos.

De acordo com a página da internet da gestora, o fundo é gerido por Susana Vicente e no mês de fevereiro o que ajudou na valorização do produto foi o “forte contributo da componente de ações", mas também "um maior enviesamento para a Europa, a exposição a Japão e a fundos globais". Estes foram portanto "os principais motores da performance (considerando derivados, a exposição é de 61%)". Realça ainda a "aposta em dívida periférica, quer via fundos de investimento, quer via obrigações diretas”. 

Em termos de carteira, cerca de 60% está aplicada em obrigações e um terço em ações, com predominância para o continente europeu. Nos cerca de 60% investidos em obrigações, mais de metade tem exposição direta a dívida soberana e cerca de 25% da carteira total em obrigações via fundos de investimento.

Os dois fundos que fecham o pódio, conseguem ter rendibilidades acima de 6%: o Banif Investimento Moderado e ainda o NB Plano Crescimento. O fundo da Banif Gestão de Activos com uma valorização de 6,16% enquanto o fundo da GNB Gestão de Activos atinge ganhos de 6,11%.

Três acima de 5%

Destacam-se, ainda, três produtos que conseguem uma subida acima de 5% no período analisado. Geridos por três entidades diferentes, os fundos apresentam uma rendibilidade média de 5,61%, com o CA Flexível da CA Gest a apresentar ganhos de 5,92%, o BPI Global da BPI Gestão de Activos a atingir 5,68% enquanto o Banif Ibéria chega aos 5,23%.

Os fundos flexíveis em 2015

 Fundo GestoraRendibilidade 2015 (%)
 NB Plano Dinâmico GNB GA10,68
 Banif Investimento Moderado Banif GA6,16
 NB Plano CrescimentoGNB GA6,11
 CA Flexível CA Gest5,92
 BPI Global BPI GA5,68
 Banif Ibéria Banif GA5,23
 Montepio Mercados Emergentes Montepio GA4,59
 Banif Investimento Conservador Banif GA4,33
 NB Plano Prudente GNB GA4,26
 BBVA Gestão FlexívelBBVA AM4,05
 NB Estratégia Ativa GNB GA3,09
 NB Estratégia Ativa II GNB GA3,02
 BBVA Multiactivo Flexível BBVA AM2,28
 Santander Global Santander AM2,20
 NB Brasil GNB GA-7,01
 BPI Brasil BPI GA-8,96
Fonte: APFIPP a 20 de março
Profissionais
Empresas

Outras notícias relacionadas


O Mais Lido

Próximos eventos