Tags: Negócio | EUA |

Mudanças comportamentais: uma oportunidade para a gestão de ativos norte-americana


Saber qual a influência do comportamento dos investidores não é um tema novo, mas, segundo o último relatório da  empresa de research global  Cerulli Associates, esta é uma questão que configura uma oportunidade para o crescimento da indústria de gestão de ativos nos EUA. “Apesar da maturidade da gestão de ativos no país, há oportunidades para crescer”, diz Bing Waldert, diretor da Cerulli Associates. “O mercado tem vindo a liderar em temas como a arquitetura aberta, na separação entre distribuição e manufactura e nos planos de pensões patrocinados pelos empregadores”, indica.

No  “The Cerulli Edge - U.S. Edition” de agosto de 2014, a empresa de análise examina precisamente as formas como os participantes da indústria  tentam influenciar o comportamento dos indivíduos envolvidos no mercado, com o objectivo de produzirem melhores resultados. 

Na perspetiva de Waldert “a coordenação das equipas de vendas faz com que haja  maior procura ao nível da organização dos recursos de vendas”. Prossegue, referindo que “as gestoras em que o seu negócio é uma terça parte ligado retalho, estão a adaptar a sua equipa de vendas de forma a ser mais profissional e mais alinhada com os interesses das empresas, em vez de estar apenas focada nas vendas mais generalizadas”, explica.

Outras notícias relacionadas


O Mais Lido

Próximos eventos