Tags: Pensões |

Montantes geridos pelos fundos de pensões cresceram 13,1% no primeiro trimestre


De acordo com a Autoridade de Supervisão de Seguros e Fundos de Pensões (ASF) os fundos de pensões tinham, no final do primeiro trimestre de 2015, mais de 18.534 milhões de euros em montantes geridos. Em termos homólogos este valor representa uma aumento de 16,9%, já que no final do primeiro trimestre o volume sob gestão ascendia a 15.849 milhões de euros.

Em relação ao final do ano passado o aumento cifrou-se em 13,1%, passando de 17.506 para 18.534 milhões de euros, ou seja, mais de mil milhões de euros.

Em termos de número de fundos, nos primeiros três meses do ano não houve qualquer alteração. Continuam a ser 224 o total de fundos de pensões, com os fundos fechados a representarem cerca de dois terços desta quantia. 

Dívida pública aumenta presença na carteira

No final dos primeiros três meses de 2015 a dívida pública continuava a ser a categoria com maior representação nas carteiras dos fundos de pensões, tendo inclusivamente aumentado a sua presença, face ao final do ano passado, de 26% para 30%. As Obrigações Privadas também cresceram em um pronto percentual (16%), tal como as Ações (10%) e os Fundos de Investimento (25%). Em sentido oposto aparecem os Imóveis e os Depósitos Bancários, sendo que estes últimos foram o que mais caíram, passando de uma representação de 17% para 11% no final de março.

Outras notícias relacionadas


O Mais Lido

Próximos eventos