MNF Valor: o fundo estrela da gestora


A MNF Gestão de Activos é uma das gestoras portuguesas de cariz independente, fundada há sete anos. Da equipa de investimentos fazem parte atualmente Rita Neves (na foto), Francisco Louro e João Andrada.

A casa de investimento apresenta uma oferta, em termos de fundos de investimento, muito pensada no perfil defensivo da maioria dos seus investidores. Desta forma dispõem de três fundos de investimento: o MNF Euro Tesouraria, MNF Obrigações Flexível e o MNF Valor.

O MNF Valor pode dizer-se que é o fundo estrela da MNF Gestão de Activos. O fundo balanceado “tem uma preocupação de retorno absoluto, uma alocação média a ativos de risco equivalente a ações de cerca de 60%”. Desde o início do ano apresenta 7,02% de retorno, enquanto que em maio a sua performance atingiu os 0,76% de rentabilidade. Para a gestora este produto adequa-se bem a “um contexto de baixas taxas de juro em que a gestão de obrigações se torna cada vez mais desafiante”.

Na oferta da entidade há que referir mais duas estratégias. O MNF Euro Tesouraria, “um fundo de liquidez, cujo objetivo é preservar o capital e dar um rendimento ligeiramente acima de um depósito a prazo” e o MNF Obrigações Flexível  “que não tem benchmark, ou seja, não tem de estar 100% investido em obrigações, podendo ser mais defensivo nos períodos que o gestor entender”.

No caso do primeiro, a rentabilidade alcançada desde o início do ano é de 0,22%, ao passo que o MNF Obrigações Flexível consegue no mesmo espaço de tempo ganhos de 0,21%.

Duas áreas de foco

Numa entrevista recentemente publicada na Revista Funds People Portugal do 2.º trimestre, Rita Neves, Head of Investmentes da gestora, explicava que o foco da casa está em duas áreas específicas. Por um lado a gestão de património financeiro, que se prende com os três produtos mobiliários atrás enunciados, e por outro, a gestão discricionária e uma área de estruturação de fundos de investimento fechados de subscrição particular.

No processo de investimento da entidade é sublinhado um foco em buckets de volatilidade, não existindo a habitual organização por classe de ativo. No entender da casa este é um método que permite uma “liberdade para olhar para vário tipo de produto”

Profissionais
Empresas

Outras notícias relacionadas


Próximos eventos