Mapa dos fundos de alocação no ano passado


2015 terminou há mais de uma semana e já lhe demos a conhecer os melhores produtos do ano passado. Agora é a vez de segmentar o mercado e mostrar-lhe quais foram os multi-ativos que mais se destacaram nos 365 dias do ano passado. De acordo com os dados disponibilizados pela Morningstar, através da sua plataforma online, os fundos multi-ativos geridos pelas entidades locais conseguiram uma rendibilidade média no ano passado pouco superior a 0%, embora a esmagadora maioria dos produtos tenha tido performance positiva em 2015.

Entre os produtos multi-ativos que fazem parte do mercado nacional, aquele que maior rendibilidade registou em 2015 foi o Invest AR PPR. Sob responsabilidade da Invest Gestão de Activos o fundo atingiu ganhos de 9,94% nos doze meses do ano passado. O produto fechou o ano com mais de 7 milhões de euros em património com o maior investimento, no final de novembro, a ser realizado em dívida pública espanhola. Além disso, este produto é um dos grandes vencedores dos últimos tempos, visto que foi o produto mais rentável da última década e aparece, de forma recorrente, entre os que mais se destacam no ranking quantitativo da Morningstar.

Logo depois vem o NB PPR. O fundo da GNB Gestão de Ativos em 2015 atingiu uma rendibilidade de 7,4%. O seu património atinge um montante de 14 milhões de euros com o valor aplicado em obrigações a superar os 85% da carteira. No mês de novembro o gestor destacou, na ficha mensal do produto, alguns factores que ajudaram na sua performance, como foi o caso da “exposição à periferia”, “às obrigações indexadas em euros e em dólares” e ainda a “exposição ao dólar”.

O terceiro produto mais rentável é o Lynx Valor que é da responsabilidade da Lynx Asset Managers. A sua valorização no ano passado atingiu os 7,44% e nessa mesma data o seu património ficava perto dos 7,5 milhões de euros. Nas perspetivas para 2016, Rita Neves afirmava que se trata de fundo “misto, moderado, gerido por uma equipa dedicada, que conta com uma abordagem “Top Down””. A gestão do produto é flexível e procura adaptar-se e acompanhar “facilmente as mudanças macro-económicas e assim distribuir retorno ao investidor, de uma forma consistente, todos os anos”, sublinhou a profissional.

Com uma rendibilidade superior a 7% surgem ainda mais dois produtos, com ambos a serem geridos pela mesma entidade: a Optimize Investment Partners. Com ganhos de 7,24% surge o Optimize Investimento Activo sendo seguido do Optimize Capital Reforma PPR Acções com uma subida de 7,05% durante o ano passado.

Os 15 melhores fundos de alocação do ano passado

FundoGestoraRendibilidade 2015 (%)
Invest AR PPRInvest Gestão de Activos9,935
NB PPRGNB Gestão de Ativos8,396
Lynx ValorLynx Asset Managers7,440
Optimize Investimento ActivoOptimize Investment Partners7,237
Optimize Cap Ref PPR AcçõesOptimize Investment Partners7,050
Montepio GlobalMontepio Gestão de Activos4,498
Santander Private DinâmicoSantander Asset Management4,330
Optimize Cap Ref PPR EquilibradoOptimize Investment Partners4,267
Popular Global 75Popular Gestão de Activos4,011
Santander Select DinâmicoSantander Asset Management4,002
Optimize Cap Ref PPR ModeradoOptimize Investment Partners3,283
NB Plano PrudenteGNB Gestão de Ativos3,128
IMGA Prestige ValorizaçaoIM Gestão de Ativos2,974
Popular Global 50Popular Gestão de Activos2,528
Montepio Multi Gestão EquilibradoMontepio Gestão de Activos2,443
Fonte: Morningstar no final de dezembro
Profissionais
Empresas

Outras notícias relacionadas


Próximos eventos