Investimento em UPs cresce nos fundos imobiliários abertos


Os dados publicados pela regulador, referentes ao último mês, mostram que os investimentos realizados em unidades de participação, nos fundos imobiliários abertos cresceram. Nos Fundos de Investimento Imobiliário (FII) e nos Fundo Especiais de Investimento Imobiliário (FEII) o crescimento entre maio e junho foi de 0,2% para os 5,2 milhões de euros. Já nos Fundos de Gestão de Património Imobiliários (FUNGEPI) o aumento foi de 2,7% para os 21,2 milhões de euros. Em relação ao Fundos Fechados houve um decréscimo de 4,8% para os 77,8 milhões de euros.

Tendência difere no semestre

Comparando o final do ano passado com o fim do primeiro semestre deste ano, verificamos que os investimentos em UPs decaíram. No final do ano passado nos FII+FEII o valor estava situados nos 6 milhões de euros, no Fungepi atingia os 19,1 milhões enquanto nos fechados não ultrapassava os 91,2 milhões de euros.

Mercado em queda

No que diz respeito ao valor total sob gestão dos fundos imobiliários, estes decresceram em 46,8 milhões para os 12.864,9 milhões de euros. Em termos individuais, todas as categorias encolheram, com os FII a caírem 0,3% para 9.169 milhões; os FEII desvalorizaram 0,3% para os 2.909 milhões enquanto os Fungepi regrediram 1,3% para os 785,7 milhões de euros.

Outras notícias relacionadas


O Mais Lido

Próximos eventos