Tags: Obrigações | Ações |

Investidores retiram dinheiros dos fundos de ações norte-americanas


Os receios de que a economia dos EUA irá enfrentar impostos mais altos, o aumento dos preços do petróleo e das taxas de juros no último trimestre de 2013, com a Reserva Federal a dar o primeiro passo para encerrar seu programa de flexibilização quantitativa, manteve a pressão sobre os fundos de ações dos EUA e na maioria dos mercados emergentes no início de setembro.

Com todos os dados, os investidores retiraram cerca de nove mil milhões de dólares dos fundos de ações norte-americanas durante a semana que terminou no dia 4 de setembro, sendo que o valor atingiu seis mil milhões de dólares nos fundos de mercados emergentes e fundos de obrigações.

Os resgates totais do EPFR Global – fundos de ações totalizaram 11,4 mil milhões de dólares, enquanto os fundos de obrigações tiveram saídas líquidas de 284 milhões de dólares.
 
Os investidores continuam a responder aos melhores dados que a Europa apresenta, com os fundos europeus a aumentaram as subscrições líquidas. Também os fundos que investem na Índia e na Indonésia registaram entradas líquidas na semana, enquanto os mercados fronteira em ações tiveram a segunda semana desde do inicio do ano com subscrições negativas.

Outras notícias relacionadas


Anterior 1 3
Anterior 1 3

Próximos eventos