Invest AR PPR é o fundo de investimento mais rentável a um ano


A taxa média de rendibilidade a 12 meses dos fundos portugueses é de 10,34%, sendo que apenas 21 dos 270 fundos analisados pela Morningstar, tem rendibilidades negativas.

O fundo com maior retorno é o Invest AR PPR, com 51,96%. De acordo com a sociedade gestora, "a natureza estável do fundo e a sua perspectiva de capitalização permite a implementação de uma gestão que não está preocupada com as variações de curto prazo, mas sim com as tendências e oportunidades de longo prazo". 

Este fundo, da categoria de alocação defensiva, tem um património de 2,7 milhões de euros. Segundo Paulo Monteiro, da Invest Gestão de Activos, "a abordagem existente permite a implementação de uma estratégia do tipo 'contrarian investing', o que possibilitou o  aumento da exposição em dívida pública e dívida de instituições financeiras em 2011, quando se verificaram fortes quedas no mercado e a maioria dos investidores estava no lado da venda. Desta forma foi possível beneficiar da recuperação dos mercados este ano, compensando em muito a desvalorização registada em 2011".

A alocação de activos na carteira do Invest AR PPR é distribuída da seguinte forma: dívida pública (48,31%), dívida privada (39,03%), acções europeias (excluindo Portugal) (7,30%), acções EUA (2,14%), dívida emergente (1,66%), acções Portugal (0,71%), liquidez (0,60%), alternativos (0,26%). Paulo Monteiro salienta que "neste momento, está a proceder-se ao rebalanceamento da carteira do fundo, no sentido de aumentar a exposição a acções globais e diminuir o risco específico a Portugal".

Os sete fundos que se seguem com melhor rendibilidade a 12 meses, de acordo com a Morningstar, são fundos alternativos, cuja estratégia de garantia de capital lhes permitiu uma valorização sustentada ao longo deste ano - Caixagest Mix Emergentes (51,40%), E.S. Rendimento Fixo VII (36,98%), E.S. Rendimento Fixo IX  (36,67%), CA Garantido Rendimento Fixo (36,33%), CA Garantido Rendimento Fixo II  (35,85%), E.S. Rendimento Fixo IV (35,58%), Caixagest Super Memory) (33,87%).

Empresas

Outras notícias relacionadas


Próximos eventos