Tags: Negócio |

Indústria voltou a “arrefecer” em agosto


Os últimos dados revelados pela APFIPP demonstram que o mercado nacional de fundos mobiliários voltou a registar um decréscimo naquele que costuma ser o mês mais quente do ano.

O valor dos ativos geridos pelos F.I.M. foi de 12.214,2 milhões de euros no final de agosto, o que se traduz num decréscimo de 2,9% relativamente ao final de julho, altura em que estes produtos somavam 12.578,5 milhões de euros.

No que diz respeito às subscrições, estas foram de 639,4 milhões de euros, enquanto o valor dos resgates foi de 1.058,7 milhões de euros, tendo a indústria de fundos mobiliários registado um saldo negativo de 419,3 milhões de euros.

No período em análise, não se verificou a liquidação nem a criação de nenhum produto de investimento pelo que a oferta de fundos domésticos no mercado português se manteve inalterada. Assim sendo, agosto terminou com 234 fundos mobiliários disponíveis. 

Próximos eventos