Tags: Obrigações | Ações |

Índice português começa semana a crescer


O PSI 20 começou a semana a conseguir crescer 0,72% situando-se nos 6.394,570 pontos. O mesmo cenário foi vivido também pelas congéneres europeias  que terminaram no verde. Madrid cresceu 1,68%, Paris 1,48% e Frankfurt 1,74%.

Na NYSE Euronext Lisboa foram 9 as empresas cotadas a valorizarem, 10 a caírem e uma a manter os mesmos resultados.

O sector bancário acabou a sessão com um desempenho misto, sendo que o BCP terminou a sessão a valorizar 2,45%, para os 0,147 euros, enquanto o BES subiu 3,40% para os 1,004 euros. O BPI, por seu lado, desvalorizou 0,09% para os 1,71 euros, enquanto o Banif manteve os mesmos resultados da sessão anterior.

Também nas energéticas o final de sessão foi misto, com as duas EDP a desvalorizarem. A renováveis caiu 1,40% para os 3,796 euros, enquanto a Energia recuou 0,23% para os 2,635 euros. A Galp conseguiu crescer 0,43%, enquanto a REN também valorizou 0,27% para os 2,240 euros.

Pouco positivo foi o final de sessão das empresas de telecomunicações. A Zon Optimus caiu 0,39% para os 5,393 euros, enquanto a PT desvalorizou 0,74% para os 3,206 euros. A Sonaecom, por sua vez, foi a “resistente” e conseguiu avançar 0,23% para os 2,578 euros.

As retalhistas por sua vez ficaram ambas em terreno positivo. A Sonae SGPS valorizou 3,66% para os 1,047 euros. A Jerónimo Martins por seu lado a valorizou 0,46% para os 14,165 euros. 

O Mais Lido

Próximos eventos