Tags: Consultoria |

Gestoras de patrimónios: investimento em fundos cresceu mil milhões de euros em 2015


Chegámos ao fim do primeiro quadrimestre do ano e os ativos sob gestão das entidades que gerem patrimónios cresceram 4,58%, passando de 54.237 milhões no final de dezembro para os 56.721 milhões de euros no final de abril, segundo os dados publicados pela Associação Portuguesa de Fundos de Investimento, Pensões e Patrimónios – APFIPP – no seu último relatório mensal sobre este segmento de negócio.

Ao nível dos valores mobiliários, o investimento que as gestoras de patrimónios efetuam em Portugal ronda os 20 milhões de euros, com o investimento em fundos de investimento a atingir quase 1.350 milhões de euros a este nível. Em termos percentuais, este valor representa cerca de 2,37% das aplicações que estas gestoras efetuam nas suas carteiras.

Fundos de investimento voltam a crescer

No mês de março o investimento em fundos de investimento por parte das gestoras de patrimónios cresceu 4%, o que, curiosamente, coincide praticamente com o mesmo incremento de investimento efetuado em abril nestes produtos. No final do quarto mês do ano o valor aplicado em fundos de investimento situava-se nos 5.253 milhões de euros, com os fundos da UE a crescerem 4,91% para 3.298 milhões de euros.

Em relação ao final do ano passado, o crescimento já atinge mais de 25%, o que se traduz num aumento absoluto superior a mil milhões de euros, a este nível. 

Maiores oscilações em que países?

O investimento em valores mobiliários, excepto fundos de investimento, representa mais de 77% do total das carteiras das sociedades gestoras de patrimónios, somando no final de abril mais de 44 mil milhões de euros.

De março para abril, o maior crescimento percentual aconteceu no investimento nos EUA, que aumentou em 82% para os 852 milhões de euros, sendo esta subida a mais assinalável. Do lado oposto, a maior queda percentual aconteceu na Finlândia, com o valor no final de abril a representar 63% do que estava aplicado no final de março.

Evolução das aplicações em fundos de investimento

Fonte: APFIPP no final de abril

Outras notícias relacionadas


O Mais Lido

Próximos eventos