Tags: Consultoria |

Gestão de Patrimónios: as entidades com maior crescimento nos últimos dois anos


Entre o final de fevereiro de 2014 e o último dia do mesmo mês deste ano, os ativos geridos pelas entidades que gerem patrimónios e que se encontram associadas na Associação Portuguesa de Fundos de Investimento, Pensões e Patrimónios – APFIPP – cresceram mais de 2%, tendo passado de 56.792 para 58.161 milhões de euros. Em termos monetários o incremento situou-se em 1.369 milhões de euros.

Nesse período, que foi marcado pela enorme volatilidade nos mercados financeiros, existiram quatro entidade que conseguiram crescer nos ativos sob gestão. Aquela que mais cresceu, tanto em termos percentuais como em termos monetários, foi a BPI Gestão de Activos. Entre o final de fevereiro de 2014 e o mesmo mês de 2016 a gestora de patrimónios viu o seu volume sob gestão crescer 51% - 2.629 milhões - para mais de 7.757 milhões de euros.

A Caixagest registou o segundo maior aumento em termos monetários, com um crescimento de 1.422 milhões para um património total de 21.736 milhões de euros. Já a CA Gest atingiu o segundo maior incremento percentual no período em análise – de 22,81% - para 2.157 milhões de euros.

A Montepio Gestão de Activos foi a outra entidade que viu o seu património sob gestão aumentar nos últimos dois anos. O crescimento foi de 14,8% - 183 milhões – para um património total de 1425 milhões de euros.

As entidades que cresceram nos últimos dois anos

GestoraFevereiro 2014Fevereiro 2016Variação %Variação €
BPI Gestão de Activos 5 137 941 614 € 7 767 345 816 €51,18%2 629 404 202 €
Caixagest 20 313 718 552 € 21 736 532 111 €7,00%1 422 813 559 €
Crédito Agrícola Gest 1 756 387 477 € 2 157 010 245 €22,81%400 622 768 €
Montepio Gestão de Activos 1 241 140 952 € 1 425 033 519 €14,82%183 892 567 €
Fonte: APFIPP no final de fevereiro de 2014 e fevereiro de 2016
Empresas

Outras notícias relacionadas


O Mais Lido

Próximos eventos