Tags: Pensões |

Fundos de pensões crescem quase 5% em três meses


Com um crescimento de 4,6% para os 15.849 milhões de euros, os fundos de pensões estão no valor mais alto desde setembro de 2011, segundo o último relatório do Instituto de Seguros de Portugal (ISP).

Nos primeiros três meses do ano houve um aumento de 691 milhões de euros, com a grande fatia deste crescimento a vir dos fundos fechados que cresceram 562 milhões de euros, ultrapassando a fasquia dos 14 mil milhões de euros (14.299 milhões). Já nos fundos aberto o crescimento foi mais modesto, na ordem dos 130 milhões de euros, com a categoria “outros abertos” a crescer de 1.051 para 1.163 milhões de euros, enquanto o PPR subiram de 367 para 383 milhões de euros.

Um ano foi sinónimo de mais 1.400 milhões

Entre o final de março do ano passado e o final do primeiro trimestre deste ano, os ativos geridos pelos fundos de pensões tiveram um aumento de 1.370 milhões de euros, o que representa uma subida de 9,46%.

O crescimento nos fundos abertos foi de 19,1% com o valor absoluto a ser de quase 250 milhões de euros enquanto nos fundos fechados a subida foi de 1.121 milhões de euros, o que representa um acréscimo de 8,5%.

Outras notícias relacionadas


O Mais Lido

Próximos eventos