Tags: Negócio |

Fundo dos certificados de reforma quase nos 30 milhões de euros em dezembro


O Instituto de Gestão de Fundos da Segurança Social revelou recentemente os folhetos informativos do fundo de certificados de reforma, dos meses de novembro e de dezembro. Segundo os dados, os chamados fundos PPR do estado apresentavam uma rentabilidade média de 2,68% a 10 de dezembro, sendo o total da carteira de 29,1 milhões de euros nessa data.

Comparativamente com novembro, os certificados de reforma diminuíram a sua rentabilidade anualizada, passando de 3,48% para os já referidos 2,68%. A contribuir para esta diminuição, esteve o facto de todos os componentes da carteira, à exceção da dívida pública portuguesa, terem visto o seu retorno a 12 meses diminuir. Apesar desta diminuição, o valor total da carteira do fundo conseguiu aumentar, passando de 28,9 milhões de euros para quase 30 mil um mês depois.

Dívida pública aumenta de peso

De um mês para o outro precisamente o peso da dívida pública passou de 25,13% para os 25,57%, enquanto a maior queda de preponderância aconteceu na dívida OCDE Ex-DP Portuguesa que passou de 54,83% em novembro para os 54,52% em dezembro.

As ações, por sua vez, decresceram de 18,87% para 18,81% em dezembro. Também a decrescer, a liquidez passou de um peso de 1,16% em novembro, para 1,11% em dezembro.

A maior preponderância na carteira do fundo continua a pertencer à dívida OCDE Ex-DP Portuguesa, que, como já referido, ocupa 54,52% da carteira.

Outras notícias relacionadas


O Mais Lido

Próximos eventos