Flexibilidade na palma da mão


Há bem pouco tempo referimos-lhe que no período de 2 anos o fundo vencedor entre os produtos flexíveis do mercado nacional – e considerados pela APFIPP – era pertencente à Optimize Investment Partners, entidade que dispõe de dois fundos inseridos nesta categoria: o Optimize Europa Valor (vencedor no prazo acima referido) e o Optimize Investimento Activo.

Hoje olhamos para um prazo mais longo, mantendo o foco nestes produtos que não assumem “qualquer compromisso quanto à composição do património nos respetivos documentos constitutivos”. A cinco anos, contudo, é o outro fundo da Optimize Investment Partners que sai vencedor. O Optimize Investimento Activo, segundo dados da APFIPP de 30 de junho, apresenta a cinco anos um retorno anualizado de praticamente 7%. A carteira do produto, no final do mês passado, apresentava, segundo as informações disponíveis no site da Morningstar, uma maior preponderância de ações, que pesam quase 70% da carteira. Concretizando, as maiores posições deste portfólio são bastante diversificadas. O maior investimento do produto está no ETF  iShares Euro Government Bond 1-3y, a cargo da iShares, e recentemente eleito “Melhor Fundo Estrangeiro de Obrigações de Curto Prazo Euro nos últimos Morningstar Awards. Seguem-se posições na Sanofi, NOS, Exxon Mobil Corporation e na Airbus Group SE.

O NB Plano Crescimento é outro dos flexíveis em destaque a cinco anos. O fundo da GNB Gestão de Ativos e a cargo de Marta Martins, apresenta um retorno anualizado de 6,06% no período. Na ficha de produto disponível online, a gestora relata que a principal ajuda para o produto foram as “posições de proteção sobre o mercado acionista (futuros curtos sobre o EuroStoxx50)”. Como apoio para o futuro, a profissional salienta que vão manter “uma forte disciplina de investimento através de uma gestão ativa na seleção de oportunidades e definição oportunista de estratégias de trading ou de proteção”. O fundo, segundo o mesmo documento, tem mais de 45% dos investimentos alocados a ações.

Também da GNB Gestão de Ativos, evidencia-se um segundo fundo, já reconhecido nos últimos Morningstar Awards como “Melhor Fundo Nacional Misto Defensivo Euro”. Falamos do NB Estratégia Ativa II, gerido por Paulo Loureiro Joaquim. O fundo que a cinco anos alcança ganhos anualizados de 4,98%, era caraterizado nessa altura, aquando da atribuição do prémio, como sendo um fundo em que se adapta “ativamente o perfil de risco potencial a diferentes momentos de mercado, apresentando uma carteira global e diversificada no conjunto de ativos em que investe”. Atualmente soma 28,3 milhões de euros de ativos sob gestão.

O CA Flexível, da CA Gest, aparece no lugar seguinte, com ganhos de 4,82%. Segundo a página online da Morningstar, o produto, no final do mês de junho, tinha mais de metade da carteira investida na Zona Euro (52,40%), seguindo-se a presença de ativos do Japão (29,31%). No caso deste fundo, são as obrigações as ‘rainhas’ da carteira, pois perfazem mais de 65% do portfólio.

Fundos da GNB Gestão de Ativos em destaque

Acima de 4% de ganhos anualizados há que salientar mais dois fundos, que pertencem à GNB Gestão de Ativos. São eles o NB Plano Prudente e o NB Estratégia Ativa. O primeiro, com 4,53% de retorno a cinco anos, é mais um fundo sob a chancela de Marta Martins. Especificamente sobre junho a gestora justifica na ficha de produto a desvalorização mensal do fundo com a penalização “sobretudo pela exposição a fundos de dívida governamental periférica e crédito em geral”. O segundo produto alcançou, no prazo em análise, 4,40% de rentabilidade anualizada. O NB Estratégia Ativa é outro dos fundos a cargo de Paulo Joaquim. Sobre a performance, no passado mês de junho, o profissional dá conta do contributo favorável das ações japonesas para o fundo no período em questão.

Importa realçar que devido à fusão transfronteiriça de fundos da BBVA Gest na SICAV BBVA Durbana International Fund – onde se incluem agora o BBVA Multiactivo Flexível e o BBVA Gestão Flexível – ambos os fundos já não são incluídos nesta categoria nem considerados pela APFIPP, daí não constarem da análise efetuada. 

Fundos flexíveis com performance positiva nos últimos cinco anos

 Fundo   Gestora Rentabilidade 5 anos (%)
Optimize Investimento Activo Optimize Investment Partners  6,99
 NB Plano CrescimentoGNB Gestão de Ativos6,06
  NB Estratégia Ativa II GNB Gestão de Ativos 4,98
CA FlexívelCA Gest 4,82
 NB Plano Prudente GNB Gestão de Ativos 4,53
 NB Estratégia Ativa  GNB Gestão de Ativos 4,40
 Banif Investimento Conservador Banif Gestão de Activos 3,68
  Banif Investimento Moderado  Banif Gestão de Activos 3,66
 BPI Global BPI Gestão de Activos3,00
NB Plano Dinâmico GNB Gestão de Ativos 2,67
Banif Ibéria  Banif Gestão de Activos 2,08
 Santander Global  Santander Asset Management 1,44
 Montepio Mercados Emergentes  Montepio Mercados Emergentes  0,07
  Banif Investimento Defensivo  Banif Gestão de Activos n.a
Optimize Europa Valor  Optimize Investment Partners  n.a
Fonte: APFIPP, no final de junho. 
Profissionais
Empresas

Outras notícias relacionadas


Próximos eventos