Tags: Alternativos |

FIIAHs destacam-se em 2014


Entre o final de 2013 e o final de terceiro trimestre deste ano, o mercado dos fundos imobiliários caiu 2,62% para os 11.967 milhões de euros, segundo os dados publicados pela Associação Portuguesa de Fundos de Investimento, Pensões e Patrimónios (APFIPP).

Apesar do mercado apresentar uma queda acima de 300 milhões de euros, houve uma categoria que se destacou ao apresentar dados positivos: a dos fundos de investimento imobiliário de arrendamento habitacional (FIIAH). Estes fundos, que representam cerca de 13,74% do mercado, fecharam o mês de setembro com mais de 1.644 milhões de euros em ativos sob gestão, o que corresponde a um aumento de 2,04% face ao final do ano passado. Em termos absolutos este crescimento foi superior a 32 milhões de euros.

Já do lado das quedas, foram os fundos florestais aquelas que menos caíram, tendo reduzido o seu volume sob gestão em 500 mil euros para os 53,1 milhões de euros, o que representa uma queda de 0,93% face ao final de dezembro de 2013.

Fundos fechados: mais de 50% do mercado

Apesar de terem visto o seu montante sob gestão se reduzir em 133 milhões de euros, os fundos fechados continuam a representar mais de metade do mercado imobiliário. Estes fundos, que se caracterizam por serem “constituídos por UPs em número fixo, determinado no momento da emissão” com a saída dos participantes a ser apenas possível no “fim do período de vida do fundo ou através da venda que, nos casos dos fundos cotados em Bolsa de Valores, pode ser efectivada em mercado secundário”, representavam, no final de setembro, mais de 52% do mercado nacional.

Os fundos abertos de acumulação têm um peso de 17,87% em Portugal, seguindo-se os fundos abertos de rendimento com 15%.

Quadro-Resumo

CategoriaAtivos sob gestão em setembro% do mercadoVariação AbsolutaVariação %
F. Fechado 6 277 500 000 €52,46%-133 200 000 €-2,08%
F. Aberto Acumulação 2 138 000 000 €17,87%-62 400 000 €-2,84%
F. Aberto Rendimento 1 795 400 000 €15,00%-154 100 000 €-7,90%
F.I.I.A.H.'s 1 644 700 000 €13,74%32 900 000 €2,04%
F. Reabilitação 58 700 000 €0,49%-4 700 000 €-7,41%
F. Florestais 53 100 000 €0,44%-500 000 €-0,93%
Fonte: APFIPP a 30 de setembro de 2014

Outras notícias relacionadas


O Mais Lido

Próximos eventos