Tags: Estilo |

Exposição “Registo(s) de Viver”


Num registo de homenagem, a exposição “Registo(s) de Viver” assinala os 50 anos da carreira de Alberto Pimenta, uma autor seminal das artes performativas e do experimentalismo em Portugal.

Alberto Pimenta  é uma figura fundamental nos campos da poesia e performance, na intervenção, no pensamento e no experimentalismo, no entanto pouco se sabe acerca do seu trabalho plástico.

“Registo(s) de Viver” propõe precisamente a redescoberta de Alberto Pimenta sob o prisma da sua valiosa produção plástica. Numa obra variada, a mostra é constituída por pinturas-colagem, poesia visual, poesia fonética, ficção, crítica, happenings, performances, entre os restantes géneros artísticos. que permitem distinguir Alberto Pimenta como um autor de diversidade consistente.

A exposição conta ainda com a intervenção de vários artistas que dão corpo ao tributo e entre os quais se destacam Fernando Aguiar e Rui Zink.

A exposição pode ser vista até dia 1 de março, na Casa da Liberdade – Mário Cesariny.  

O Mais Lido

Próximos eventos