Tags: Estilo |

Exposição com obras do expoente máximo da aguarela em Portugal


A exposição “o Mar, a Serra, a Cidade”, com obras de Roque Gameiro, permite revisitar o percurso artístico daquele que é considerado o expoente máximo da aguarela em Portugal, que, seguindo a corrente estética do naturalismo e utilizando uma técnica extremamente expressiva, reflete uma busca constante pela reprodução da paisagem real em toda a sua obra.

A mostra que comemora os 150 anos do nascimento de Alfredo Roque Gameiro (1864-1935), encontra-se organizada em função dos principais eixos temáticos que desenharam a obra do aguarelista, iniciando-se com o tema Lisboa, o seu ambiente e costumes, a Lisboa Velha do início do século XX.

Expostos encontram-se também o mar, o mundo rural, os usos e costumes, a ilustração e o retrato, que são dados a ver em registos de atmosferas luminosas, de texturas variadas sob o efeito da luz, da riqueza cromática e tonal, distintivos visuais da expressão artística do mestre.

Esta exposição pode ser visitada até dia 25 de abril, de segunda a sexta-feira, nos Paços do Concelho. 

Outras notícias relacionadas


O Mais Lido

Próximos eventos