Tags: Negócio |

ESAF lidera em captações desde início do ano


As subscrições líquidas entre as gestoras portuguesas no 2.º trimestre ascenderam a 694,2 milhões de euros, sendo que este valor aumenta para cerca de 1,9 mil milhões de euros desde 30 de Junho de 2012.

A ESAF foi a gestora de fundos  que teve maior número de subscrições líquidas entre Abril e Junho de 2013, acumulando um saldo entre subscrições e resgates de 331,4 milhões de euros. Desde final de 2012 a gestora do Grupo Espírito Santo captou 542,9 milhões de euros. Já desde 30 de Junho de 2012 o saldo líquido é de 801,4 milhões de euros.

Com um desempenho também positivo no que refere a subscrições, aparece em segundo lugar a Caixagest que apresenta um valor bruto de entradas de 726,7 milhões de euros no 2.º trimestre do ano. Em termos líquidos este valor situa-se nos 136,8 milhões de euros. A entidade recebeu 248,3 milhões de euros de há um ano para cá.

Em terceiro lugar, a Milleniumbcp Gestão de Activos registou um valor de 242,8 milhões de euros de captações brutas no 2.º trimestre do ano, o que em termos líquidos representou 119,8 milhões de euros de subscrições neste período de tempo. Desde o início de 2013, no entanto, a gestora ultrapassa a Caixagest,  tendo 247,9 milhões de euros de subscrições líquidas.

Os dados da APFIPP referentes a 30 de Junho de 2013 não incluem a gestora Optimize Investment Partners.

Empresas

Outras notícias relacionadas


Próximos eventos