Tags: Negócio | Europa |

Dívida representa mais de 70% do investimento mobiliário em Portugal


Com o terminar do mês de junho vem o terminar de um novo trimestre. E como é usual, a Comissão do Mercado de Valores Mobiliários revela o panorama da gestão de ativos em Portugal, apresentando algumas conclusões relativas ao investimento tanto por país como por tipo de valor mobiliário no segundo trimestre deste ano.

De acordo com a publicação, o investimento mobiliário em Portugal apresenta uma clara preferência pelo investimento em títulos de dívida. Isto porque no final do mês de junho, o segmento de dívida representava 71,8% do investimento mobiliário total em território nacional. Por outro lado, o investimento em dívida pública apresenta uma maior preponderância que o investimento em dívida privada: 51,9% e 19,9%, respetivamente.

O investimento em países como o Luxemburgo, Reino Unido ou Alemanha (os três mercados cujo investimento tem maior relevância, imediatamente a seguir ao mercado nacional) surge com um panorama distinto. Ainda que o segmento de dívida também apresente maior relevância que o segmento acionista, é o investimento em dívida privada que se destaca. Este representa mais de metade do investimento mobiliário total em cada um dos três países, enquanto que em Portugal se verifica precisamente o oposto.

Captura_de_ecra__2017-08-24__a_s_13

Fonte: CMVM, 30 de junho de 2017. 

Nota: o relatório completo pode ser consultado na íntegra aqui

Outras notícias relacionadas


O Mais Lido

Próximos eventos