Tags: Pensões |

Como se gerem os fundos de pensões em Portugal?


Os fundos de pensões são geridos tendo em conta dois planos: o atuarial e o financeiro.

Na gestão atuarial faz-se uma avaliação das responsabilidades que estão associadas a um plano de pensões e, com base nessas análises atuariais, será possível estabelecer as necessidades de financiamento dos fundos, bem como obter uma análise temporal das responsabilidades. Ana Paulo, diretora do Negócio Vida da Zurich em Portugal, refere que “a gestão actuarial define as responsabilidades passadas e futuras do fundo pelo que o seu apuramento é para a definição da referida política de investimento”.

Adelaide Marques, da BBVA Fundos, acrescenta que a este nível, as questões fundamentais são saber “a quem vamos pagar, quanto vamos pagar e por quanto tempo”.

Estabelecidos os níveis de tolerância ao risco é importante assegurar a análise prudencial do fundo ao longo da sua vida. Desta forma apenas está em causa uma gestão dos passivos inerentes aos fundos de pensões. A gestão atuarial faz por isso uma mensuração das responsabilidades a cargo dos fundos.

As finanças dos fundos de pensões

Tal como o nome indica a gestão financeira incide sobre os ativos financeiros do fundo, e esta é a “parte” que muitas vezes é gerida por entidades terceiras. Está ligada diretamente à disposição desses ativos e, posteriormente, à adequação dos fundos ao risco. “Este tipo de gestão pretende maximizar o binómio rentabilidade/risco dos seus ativos e a preservação de capital, no estrito cumprimento do previsto no contrato de gestão (fundos de pensão fechados) ou regulamento de gestão (fundos de pensão abertos), otimizar o saldo de tesouraria e adequar a sua estratégia de investimento ao resultado da gestão atuarial”, sublinha José Bonito, da Eurovida.

Uma das peças chave na forma como se “desenha” a política de investimento do fundo é população abrangida e suas características nomeadamente no que refere à distribuição temporal das responsabilidades.

Maria Isabel Semião, da BPI Vida e Pensões diz que a gestão financeira “consiste na gestão de ativos que constituem o Fundo de Pensões de forma a obter os melhores resultados financeiros com o menor risco possível”.

 

Saiba mais sobre a gestão de fundos de pensões na terceira edição da revista Funds People Portugal já em distribuição.

Outras notícias relacionadas


Anterior 1
Anterior 1

Próximos eventos