Captações líquidas: os destaques em dezembro passado


O último mês de 2015 foi, também, o melhor do ano no que toca às captações líquidas no mercado nacional de fundos mobiliários. Os dados da Associação Portuguesa de Fundos de Investimento, Pensões e Patrimónios – APFIPP – mostram que em dezembro passado o saldo entre subscrições e resgates atingiu os 347,3 milhões de euros. O segundo melhor de 2015 foi atingido em novembro com um valor, também, superior a 300 milhões de euros.

No último trimestre do ano houve um fundo que se destacou mais do que os restantes: o BPI Monetário de Curto Prazo, gerido pela BPI Gestão de Activos. Foi o produto líder nesta rubrica em dezembro, tendo também liderado em novembro e em outubro. No último mês do ano conseguiu captações líquidas de 87,9 milhões de euros - o valor mais alto do ano. Em termos totais, nos últimos três meses de 2015 este fundo teve captações líquidas de 226,8 milhões de euros.

Tal como aconteceu em novembro, o segundo produto com maior volume em captações líquidas foi o IMGA Extra Tesouraria III que é da responsabilidade da IM Gestão de Activos. No último mês do anos registou um saldo entre subscrições e resgates de 86,8 milhões de euros, acima dos 67,7 milhões registados em novembro. Já o terceiro produto com mais captações líquidas em dezembro foi o BPI Liquidez da BPI Gestão de Activos que registou 62,1 milhões de euros. Acima dos 50 milhões de euros em entradas líquidas de dinheiro encontramos mais um produto: o Caixagest Liquidez. Gerido pela Caixagest, é o maior fundo do mercado nacional e conseguiu captações líquidas de 57,5 milhões de euros no último mês do ano passado.

BPI Gestão de Activos em grande destaque

A entidade que mais se destacou, em dezembro, foi a BPI Gestão de Activos. Nos seis meses do segundo semestre do ano, esta entidade foi sempre a que liderou a indústria no que toca às captações líquidas. Desta forma, não é de estranhar que dos dez fundos com melhor resultado, seis faça parte desta entidade. Além dos já mencionado BPI Monetário Curto Prazo e BPI Liquidez, encontramos o BPI Reforma Segura PPR, o BPI Moderado, o BPI Reforma Investimento PPR e ainda o BPI Euro Taxa Fixa. Todos eles com captações líquidas superiores a 10 milhões de euros.

Os 20 produtos com mais captações líquidas em dezembro

FundoGestoraCategoriaCaptações líquidas
BPI Monetário Curto Prazo - FIABPI Gestão de ActivosFIA Monetário de Curto Prazo87 984 200 €
IMGA Extra Tesouraria III - FIAIM Gestão de AtivosFIA de Curto Prazo86 805 500 €
BPI LiquidezBPI Gestão de ActivosCurto Prazo Euro62 122 100 €
Caixagest LiquidezCaixagestMercado Monetário Euro57 505 800 €
BPI Reforma Segura PPRBPI Gestão de ActivosFundos PPR47 908 100 €
BPI ModeradoBPI Gestão de ActivosFundos Flexíveis25 528 400 €
BPI Reforma Investimento PPRBPI Gestão de ActivosFundos PPR20 928 800 €
CA MonetárioCA GestMercado Monetário Euro18 656 400 €
BPI Euro Taxa FixaBPI Gestão de ActivosObrigações Euro10 560 500 €
Caixagest Ações Líderes GlobaisCaixagestAções: Outros fundos internacionais9 312 900 €
IMGA Rendimento MensalIM Gestão de AtivosObrigações Euro8 272 600 €
Caixagest Seleção Global DefensivoCaixagestFundos Multi-Activos Defensivos7 921 900 €
Caixagest Seleção GlobalCaixagestFundos Multi-Activos Defensivos5 651 800 €
Santander Select ModeradoSantander Asset ManagementFundos Multi-Activos Defensivos4 498 100 €
Santander MultiTesourariaSantander Asset ManagementCurto Prazo Euro3 914 600 €
Santander Private ModeradoSantander Asset ManagementFundos Multi-Activos Defensivos3 062 000 €
CA RendimentoCA GestObrigações Taxa Indexada2 779 300 €
Santander Select DinâmicoSantander Asset ManagementFundos Multi-Activos Equilibrados2 351 200 €
BPI DinâmicoBPI Gestão de ActivosFundos Flexíveis2 312 900 €
IMGA LiquidezIM Gestão de AtivosCurto Prazo Euro2 133 100 €
Fonte: APFIPP no final de dezembro
Empresas

Outras notícias relacionadas


Próximos eventos