Tags: Obrigações | Ações |

Captações líquidas mais perto dos mil milhões de euros em 2014


Nos primeiros seis meses de 2014, as captações líquidas já ultrapassaram os 921 milhões de euros, segundo os últimos dados mensais publicados pela APFIPP. O valor em subscrições já ultrapassa os 6.341 milhões de euros contra os 5.419 milhões em resgates. Em termos líquidos, das cerca de três dezenas de categorias existentes para a APFIPP, o segmento de “fundos de fundos predominantemente obrigações” é líder com mais de 301 milhões de euros. Logo depois surge a categoria de fundos de tesouraria com mais de 225 milhões de euros em captações líquidas nos primeiros seis meses do ano.

Junho...mais um mês positivo

O último mês do primeiro semestre foi, mais um vez, um mês positivo. O saldo traduziu-se em mais de 83 milhões de euros, com a categoria de “fundos de fundos predominantemente obrigações” a conseguir ter mais de 80 milhões em captações líquidas. Os fundos de obrigações de taxa indexada tiveram mais de 34 milhões de euros, sendo a segunda categoria que mais captações líquidas atingiu.

Outras notícias relacionadas


Próximos eventos