Tags: Emergentes | Latam |

Brasil: Institucionais são os que têm maior património líquido


O mercado brasileiro, no mês de fevereiro, tinha quase 2.500 mil milhões de reais em património líquido, dividido em treze categorias para a ANBIMA onde os tipos de investidores são sete.

Dos sete segmentos, o cliente institucional representa mais de um terço do total, com 951 mil milhões de reais investidos, sendo que a categoria favorita é a previdência com 335 mil milhões.

A segunda posição vai para os clientes Private com 379 mil milhões de reais, sendo que a categoria favorita é a de Multimercados, com 185 mil milhões de reais. Muito perto ainda aparecem os clientes Corporate e Varejo com 358 e 353 mil milhões, respetivamente. No caso dos clientes Corporate a categoria favorita é a de Renda Fixa enquanto no Vareja é a do Referenciado DI.

Também o Poder Público tem mais de três dígitos em património líquido, totalizando 247 mil milhões, sendo que desse valor 138 mil milhões de reais pertence á Renda Fixa.

22% em fundos

Do total do património líquido do principal investidor, o institucional, a grande fatia vai para as Entidades Abertas de Previdência Complementar com 38,7%. Logo depois aparecem os fundos de investimento com 22,8% seguido de muito perto pelas Entidades Fechadas de Previdência Complementar do sector público com 21,5%.

Outras notícias relacionadas


O Mais Lido

Próximos eventos