Tags: Emergentes | Latam | Ações |

Brasil: fundos de ações e renda fixa índice começaram fevereiro a reduzir perdas


Dados da ANBIMA indicam que os fundos de ações e de renda fixa índices começaram fevereiro a recuperar uma parte do dinheiro perdido em janeiro. Segundo a Associação, até 7 de fevereiro, a melhoria da bolsa ajudou as carteiras de ações, enquanto a queda dos juros e dos papéis do tesouro favoreceu a renda fixa (obrigações) de maior risco.

Até dia 7 de fevereiro, os renda fixa índices começaram com um ganho de 0,88%, reduzindo a perda no ano para 0,13%. Esta recuperação acompanhou a ligeira queda dos juros dos papéis do tesouro corrigidos pela inflação.

Fundos cambiais recuperam

Os fundos cambiais também  devolveram parte dos ganhos que tinham realizado  em janeiro, apresentando uma perda média de 1,28%, reduzindo o ganho no ano para 0,87%, acompanhando a queda do dólar.

Os fundos multimercados, por seu lado, até ao período indicado apresentaram resultados muito variáveis, com exceção dos estratégia Trading, que na primeira semana de fevereiro tinham 0,59% de rendimento.

Até ao dia 7 de fevereiro a indústria já registava 7,517 mil milhões de reais em resgates líquidos. No mês indicado a maior perda foi protagonizada pelos fundos DI, o que pode indicar uma saída dos investidores para aproveitarem a subida dos juros migrando para aplicações prefixadas ou fundos de renda fixa.

Outras notícias relacionadas


Próximos eventos