Tags: Obrigações | Ações |

As mudanças nas “cinco estrelas” Morningstar


No final de janeiro, eram sete os fundos de investimento que estavam classificados com a pontuação máxima pela Morningstar, as cinco estrelas. Os sete produtos apresentam uma rendibilidade média de 2,017% bem acima dos 0,3% que a industria valorizou no primeiro mês do ano, num total de 235 fundos de investimento.

Em relação ao mês anterior, houve a adição de um fundo de investimento a este ranking. Trata-se do Dunas Banco BIC Tesouraria A, gerido por Pedro Fernandes com a sociedade gestora a ser a Dunas Capital. Criado em janeiro de 2011, o produto obteve uma rendibilidade de 0,636% no últimos mês, sendo que a três anos consegue uma rendibilidade anualizada de 5,279%. Sobre a sua política de investimento o produto “investe em instrumentos de baixa volatilidade e de curto prazo”. Segundo a informação do seu último relatório mensal a volatilidade nas últimas 52% foi de 0,8%, o índice sharpe foi de 4,1 enquanto o maximum drawdown situou-se em -1,3%.

Os fundos cinco estrelas de janeiro para a Morningstar

Fundo de Investimento

Entidade

Rendibilidade Janeiro (%)

Invest AR PPR FIMAInvest Gestão de Activos 3,686  
Optimize Cap Ref PPR Moderado FIAOptimize Investment Partners  1,896  
ES PPR FIAESAF  3,587  
ES Obrigações Europa Euro FIAO TFESAF  3,910  
Dunas Banco BIC Tesouraria A FIMADunas Capital 0,636  
Banif Euro Tesouraria FIMABanif Gestão de Activos  0,312  
Caixagest Obrig Mais FIMAO TVCaixagest  0,090  
   
Dados: Morningstar a 31 de Janeiro de 2014 
(Análise Funds People a partir de dados cedidos pela Morningstar).
Profissionais
Empresas

Outras notícias relacionadas


Próximos eventos