Tags: Alternativos |

As gestoras imobiliários que superam os 500 milhões de euros


No final do quarto mês do ano, os ativos sob gestão dos fundos imobiliários superavam os 11.161 milhões de euros, segundo o dados publicados pela Associação Portuguesa de Fundos de Investimento, Pensões e Patrimónios (APFIPP).  Estes cálculos da APFIPP englobam as 34 entidades que constam da Associação, com apenas oito sociedades gestoras a registarem um património superior a 500 milhões de euros. Essas mesmo oito entidades representam cerca de dois terços do total do património das gestoras imobiliárias.

Das oito entidades, duas conseguem superar largamente os 1.000 milhões de euros: a Interfundos e a Fundger. A primeira lidera o mercado nacional com 1.432 milhões de euros em património no final de abril, seguida da Fundger com 1.306 milhões de euros em ativos sob gestão. De notar que a Interfundos é a entidade que gere mais fundos (40 segundo a CMVM) enquanto a Fundger gere o maior fundo do mercado nacional: o Fundimo que tinha no final de abril mais de 640 milhões de euros sob gestão.

Com 949 milhões de euros surge a Norfin, ocupando assim a terceiro posição do ranking. A Montepio Valor ocupa a primeira posição a seguir ao top3 com uma património que ascende a 902 milhões de euros, sendo a Square Asset Management a entidade que se segue com 811 milhões de euros.

Entre os 500 e os 700 milhões de euros encontramos as restantes três entidades: GNB Gestão de Ativos, Gesfimo e ainda a Banif Gestão de Activos. A primeira com um património de 692 milhões de euros; a segunda e a terceira com 640 e 620 milhões de euros, respetivamente.

As entidades que superam os 500 milhões em património

(para aumentar)

Fonte: APFIPP no final de abril
Empresas

Outras notícias relacionadas


Próximos eventos