Tags: Alternativos |

As gestoras imobiliárias que cresceram em fevereiro


No segundo mês do ano, as entidades que gerem fundos imobiliários e que se encontram registadas na Associação Portuguesa de Fundos de Investimento, Pensões e Patrimónios – AFPIPP – tinham em ‘sua posse’ um valor de carteira que ultrapassava os 9.608 milhões de euros, menos 4,13% do que no final do mês de janeiro. Esta redução, em termos monetários, situou-se em mais de 400 milhões de euros.

Apesar da redução registada em fevereiro, algumas entidades – uma dúzia de gestoras - conseguiram ter um mês positivo, com o crescimento dos valores em carteira. A entidade que mais cresceu, quer em termos monetários como percentuais, foi a Sonaegest. Em fevereiro o Valor Líquido sob Gestão da entidade ascendia a 399 milhões de euros, mais 1,71% do que o valor registado em janeiro, o que quer dizer que foi registado um incremento superior a 6,6 milhões de euros.

Existem outras entidades que também se destacaram, embora de forma mais modesta, ao longo de fevereiro. A Patris Gestão de Activos foi a segunda entidade que mais cresceu, em termos percentuais, ao registar um incremento de 0,86% para 3,77 milhões de euros. Já o segundo maior aumento monetário foi registado na Square Asset Management, com um aumento em 971 mil euros para quase 829,5 milhões de euros em valor total em carteira.

As entidades imobiliárias que cresceram em fevereiro

Fonte: APFIPP no final de fevereiro
Empresas

Próximos eventos