Tags: Consultoria |

As gestoras de património com maior volume sob gestão


No mês de agosto, o segmento de gestão de patrimónios teve movimento contrário aos outros segmentos financeiros. Na publicação da Associação Portuguesa de Fundos de Investimento, Pensões e Patrimónios – APFIPP –, referente à gestão de patrimónios, verificou-se um incremento dos ativos sob gestão em 7,3% com o valor a chegar aos 59.947 milhões de euros. Este valor é apenas referentes às entidades registadas na Associação e representavam 91,7% do valor global das carteiras sob gestão discricionária, segundo a CMVM.

A maior e a única subida do mês pertenceu à GNB – SGP que viu o seu património passar de 2.849 para 7.958 milhões de euros. Este crescimento superior a 5.100 milhões de euros representou, em termos percentuais, numa evolução de quase 180% face ao mês anterior.

Este valor colocou a entidade no quarto lugar entre as gestoras de patrimónios que maior volume sob gestão apresentavam no final de agosto.

Caixagest de “pedra e cal” na liderança

A maior entidade do segmento continua a ser a Caixagest. Durante o mês de agosto sofreu uma desvalorização de 3,15%, tendo, apesar disso, fechado o mês passado com um património superior a 21.669 milhões de euros. Com uma queda percentual inferior continua, na segunda posição, a BMO GAM. Em agosto a descida foi de 1,05% tendo no final do período mais de 13.397 milhões de euros em ativos sob gestão.

Já a BPI Gestão de Activos mantém a sua terceira posição entre as entidades com maior volume sob gestão do segmento com  mais de 8.136 milhões de euros, após uma queda de 0,35%.

As gestoras de património em agosto

para aumentar

Fonte: APFIPP no final do mês de agosto
Empresas

Outras notícias relacionadas


Próximos eventos