Tags: Negócio |

As categorias que mais captaram em 2014


São cerca de três dezenas as categorias em que a Associação Portuguesa de Fundos de Investimento, Pensões e Patrimónios (APFIPP) divide os fundos de investimento mobiliários. No final do ano passado, os fundos nacionais com as suas gestoras registadas na Associação tiveram um saldo entre subscrições e resgates negativo, na ordem dos 873 milhões de euros. No entanto, houve categorias que se destacaram ao conseguirem ter captações líquidas positivas nos doze meses do ano passado.

O segmento que mais se destacou foi o de “fundos de fundos predominantemente obrigações” que teve captações líquidas de mais de 466 milhões de euros. Esta categoria inclui oito fundos de investimento, com o Millennium Prestige Conservador, da Millennium Gestão de Activos, a ser o produto que mais captou de forma líquida, com cerca de 200 milhões de euros.

A segunda categoria que mais captações líquidas conseguiu atingir no ano passado foi a de “mercado monetário euro”. Esta categoria é composta por três produtos que totalizaram quase de 375 milhões de euros, sendo que um deles é o Caixagest Liquidez, da Caixagest. Este fundo foi o que mais captou no mercado nacional o ano passado com mais de 410 milhões de euros.

Acima de 100 milhões de euros aparece apenas mais um categoria. Trata-se dos “fundos de obrigações taxa fixa euro” que apresentam um saldo de 112 milhões de euros. Nesta categoria ‘cabe’ uma dúzia de produtos, com o BPI Euro Taxa Fixa, da BPI Gestão de Activos, a ser o fundo que mais captou no ano, com cerca de 70 milhões de euros.

Ações pouco representadas

Das categorias dos fundos de ações, apenas uma conseguiu ter saldo positivo no ano passado: a categoria de ações nacionais. O saldo é de 24 milhões de euros, que foi conseguido, sobretudo, na primeira metade do ano. Também os “fundos de fundos predominantemente ações” e os “fundos mistos predominantemente ações” fazem parte da lista das categorias que tiveram saldo positivo no ano passado.

As categorias com captações positivas

Categoria Captações líquidas 
Fundos de Fundos Predominantemente de Obrigações 466 741 855 €
Mercado Monetário Euro 374 729 643 €
Obrigações Taxa Fixa Euro 112 378 580 €
Fundos de fundos mistos 83 445 277 €
Mistos Predominantemente de Obrigações 28 657 673 €
Acções Nacionais 24 105 366 €
Obrigações Euro 20 109 697 €
Outros Fundos 18 218 061 €
Obrigações Internacionai 16 021 622 €
F.E.I. Monetário 13 237 783 €
Fundos de fundos Predominantemente de Acções 12 999 610 €
F.E.I. Flexíveis 2 590 163 €
Mistos Predominantemente de Acções 1 650 797 €
Fundos Índice 220 997 €
Fonte: APFIPP a 31 de dezembro
Empresas

Outras notícias relacionadas


O Mais Lido

Próximos eventos