Tags: Negócio | ETF |

Amundi fixa o seu objectivo: duplicar em três anos o património em ETF e produtos indexados


Duplicar os ativos geridos em ETF e produtos indexados durante os próximos anos. Este é o grande objectivo fixado pela Amundi, que no final de 2017 pretende ter 100.000 milhões de dólares em ativos sob gestão. O grupo, atualmente com um património de 1,1 biliões de dólares, confirmou a sua vontade de tornar o seu expertise em ETFs e produtos indexados, um dos principais eixos de desenvolvimento de negócio, isto tendo em conta que a gestão passiva é um dos segmentos de maior crescimento na indústria de gestão de ativos, representando atualmente cerca de 15% dos ativos geridos a nível global.

“O nosso objetivo é duplicar os ativos geridos durante os próximos três anos”, revela Valérie Baudson, responsável Global de ETF e Produtos Indexados da Amundi. Baudson explica que a atividade da gestora ao nível dos ETFs e Produtos Indexados registou um crescimento dinâmico, com fluxos líquidos que rondam os 6.000 milhões de dólares desde o início do ano. “Procuramos agora acelerar este crescimento, suportando-nos em dois pilares: a nossa política de preços e a nossa capacidade de inovação e desenho de soluções à medida, tais como as recentemente desenvolvidas na gestão Smart Beta ou ISR (investimento socialmente responsável)/baixa emissão de carbono”.

No que diz respeito às vontades demonstradas pelos clientes, da empresa assinalam que os investidores procuram, em particular, soluções indexadas constituídas à medida. No final de 2013 a Amundi criou a linha de negócio “ETF e Indexados” de forma a aproveitar os pontos fortes da gestora e de modo a responder da melhor forma às necessidades de gestão passiva dos investidores de todo o mundo, quer através de fundos abertos, quer via mandatos específicos. Esta linha de negócio conta com gestores especializados e equipas de vendas dedicadas, para além do apoio dado pelos recursos do grupo ao nível de análise, execução de ordens, gestão de riscos e de crédito, entre outros, de forma a servir melhor os interesses dos seus clientes.

Empresas

Outras notícias relacionadas


O Mais Lido

Próximos eventos