Amplitude a melhorar desde julho


Os dados publicados pela Morningstar mostram que nos últimos cinco meses houve uma melhoria consecutiva no que diz respeito ao Maximum Drawdown. A amplitude média das rendibilidades dos fundos de investimento passou de -25% para -17% nos últimos cinco meses.

Esta melhoria, mesmo englobando o início da crise, mostra que os gestores nacionais conseguiram reagir bem à crise, reduzindo a amplitude média quando os mercados estavam mais voláteis.

Skewness confirma

O valor da assimetria confirma a melhoria no Drawdown nos últimos cinco anos. Com o valor a piorar, passando de -0,18 para -1,01, mostra que a distribuição tem uma cauda esquerda (valores abaixo da média) mais pesada, ou seja, tem vindo a baixar o seu valor, comprovando a melhoria do indicador.

Mediana afasta-se da média

Também a mediana está a afastar-se da média, mostrando que são apenas alguns valores que estão a puxar o drawdown para baixo. Em julho a média foi de -25,6% enquanto a média se fixou nos -23,4%. Já em novembro a média foi de -17,71% e a mediana  situou-se nos -13,96%.

O desvio-padrão no Maximum Drawdown também baixou, passando de 16,6% para 13,8%

 

(Nota: A análise é realizada pela Funds People Portugal a partir de dados da Morningstar.)

Empresas

Outras notícias relacionadas


Anterior 1 3
Anterior 1 3

Próximos eventos