Alfa médio nos fundos de pensões é melhor do que nos fundos de investimento


O Alfa é a medida de avaliação da “performance” mais utilizada para medir a contribuição do gestor para o desempenho final do fundo. Em traços gerais, a média dos últimos cinco anos, ou seja,  no período pós-falência do Lehman Brothers, é negativa tanto nos fundos de pensões como nos fundos de investimentos, segundo os dados que foram publicados pela Morningstar.

Nos últimos cinco o alfa dos fundos de pensões, em termos médios, é de -1,708, com uma mediana de -1,549 num total de 37 produtos analisados. Já nos fundos de investimento o valor do alfa é de -2, com uma mediana de -2,26 num total de 130 produtos analisados.

Uma das grandes diferenças aparece na skewness. Enquanto que nos fundos de pensões é de 0,03 nos fundos de investimento este valor é de -0,78. Na prática nos fundos de pensões existe uma maior propensão para  valores acima da média. Nos fundos de investimentos acontece exatamente o contrário.

Ações ganham nos fundos de pensões

Nos fundos de pensões, são os da categoria de ações que têm o alfa positivo, fixado em 3,99 nos últimos cinco anos, sendo este valor conseguido com apenas 2 produtos. Já os fundos de Obrigações apresentam um alfa de -1,03 em 5 produtos. Os de Alocação, com 30 produtos analisados, apresentam um alfa de -2,19.

Apenas o mercado monetário é positivo

Nos fundos de investimento apenas a categoria de mercado monetário está com um alfa acima de zero, atingindo 1,13 na última meia década, com 6 produtos com dados analisados. Este valor pode demonstrar que os fundos mais defensivos foram os melhores para enfrentrar o período pós-falência do Lehman Brothers.

Logo depois aparecem os fundos de Obrigações com um alfa de -0,69 num total de 33 produtos. A categoria de ações, que apresenta um alfa positivo nos fundos de pensões, é aqui negativo na ordem dos -2,26 com 55 produtos. Já os fundos de alocação apresentam um Alfa de -3,25.

ESAF positiva nos fundos de pensões

A ESAF – Espirito Santo Fundos de Pensões é a única gestora, segundo os dados da Morningstar, que apresenta um alfa positivo nos últimos cinco anos. A gestora tem 4 produtos e apresenta um alfa de 1,30. Próximo de zero ainda aparecem duas gestoras: a BPI Pensões e a FUTURO. A primeira com um alfa de -0,08 com 3 produtos e a segunda com-0,34 com 7 fundos de pensões analisados.

MNF Gestão de Activos acima de zero

Nos fundos de investimento apenas a MNF Gestão de Activos apresenta um alfa médio acima de zero. Ainda assim este valor é conseguido através de apenas um produto com o indicador a situar-se nos 0,84. Perto de zero aparecem, ainda, a BBVA Gest (-0,93), a ESAF (-0,36) e o Santander Asset Management (-0,67).

Empresas

Outras notícias relacionadas


Anterior 1 3
Anterior 1 3

O Mais Lido

Próximos eventos