Ações Portugal destacam-se nos melhores de cada gestora em março


O mês de março foi sinónimo de rendibilidades positivas, especialmente nos fundos que investem em ações nacionais. E esta não é apenas uma tendência do mês de março…mas sim de todo o primeiro trimestre de 2015.

O ponto de partida acontece nos fundos mais rentáveis no terceiro mês do ano que a Funds People Portugal publicou, onde se nota a presença dos fundos que têm ações portuguesas em carteira: o fundo mais rentável da Millennium Gestão de Activos, em março,  foi o Millennium Acções Portugal. Este produto acumula o 'prémio' de melhor fundo do mês.

Além deste, existem diversos fundos que investem em Portugal, cuja performance saiu em destaque nas respectivas entidades gestoras. Temos o caso do Barclays FPA da Barclays Wealth Mgr. Portugal; o Banif Acções Portugal da Banif Gestão de Activos; o Santander PPA da Santander Asset Management, o BPI Poupança Acções da BPI Gestão de Activos; o NB Poupança Acções da GNB Gestão de Ativos, o Caixagest PPA da Caixagest, o BBVA PPA Índice PSI 20 da BBVA Asset Management ou ainda o Invest AR Médias Empresas Portugal da Invest Gestão de Activos.

Europa também faz parte da equação

A par do mercado acionista nacional, também os fundos que investem no velho continente se evidenciaram no mês passado. O fundo com melhor performance da Montepio Gestão de Activos foi o seu sectorial que investe nas instituições financeiras europeias, o Montepio Euro Financial Services. Já o Popular Acções foi o fundo com melhor desempenho da Popular Gestão de Activos enquanto o CA Acções Europa foi o fundo da CA Gest que se destacou, em termos de rendibilidade, no terceiro mês do ano.

O melhor fundo da Optimize Investment Partners foi o Optimize Capital Reforma PPR Acções, enquanto o da MNF Gestão de Activos foi o MNF Valor. Já da Patris Gestão de Activos o maior destaque do mês foi para o Patris Valorização, enquanto o fundo mais rentável da Dunas Capital foi o Dunas Banco BIC Investimentos.

Os melhores de cada entidade em março

Fonte: Morningstar no final de março
Empresas

Outras notícias relacionadas


O Mais Lido

Próximos eventos