Tags: Negócio |

“A inovação não é uma opção, mas sim e cada vez mais uma necessidade”


A Pictet Asset Management trouxe a Portugal Alexandre Mouthon, CFA e sénior product specialist da entidade para três produtos: o Pictet Digital, o Pictet Security e ainda o Pictet Robotics. O profissional começou por referir que a “inovação é cada vez mais uma necessidade”, deixando de ser uma opção ou uma alternativa. “Continuamos a sentir uma forte adesão dos investidores as estes temas que ligam a tecnologia e a inovação”, destacou. O profissional afirmou, ainda, que “a inovação está em todo o lado, e faz cada vez mais parte da nossa vida, levando a oportunidades de crescimento e investimento”.

O especialista da Pictet AM mostrou aos gestores de ativos presentes no evento que a evolução tecnológica está a acontecer de uma forma cada vez mais rápida e com maior impacto na sociedade. “O momento digital está a consolidar-se em todo o mundo. A globalização intensifica-se e a internet tem sido um dos seus motores. Por exemplo, a penetração da internet, a nível mundial, é de 46,4% neste momento, mas a perspectiva de alguns analistas é de que em 2020 toda a população mundial esteja online”, revela o profissional. Alexandre Mouthon fez ainda questão de relembrar que a inovação, e a sua adopção pelos consumidores tem vindo a crescer de uma forma exponencial nos dias de hoje: Se o telefone demorou perto de 80 anos a chegar a cem milhões de utilizadores, recentemente a app Pokemon Go demorou menos de um mês a chegar ao mesmo número de pessoas. “Um aumento da velocidade de difusão, juntamente com um mercado mundial em movimento, tem um potencial enorme para tornar os novos modelos de negócios muito poderosos e rentáveis”, justifica o profissional.

Transversal a todos os segmentos

O especialista refere, também, que o mundo digital é “completamente transversal a todos os sectores”. Não se trata apenas de novos negócios, mas também de novas maneiras e mais eficientes de fazer “velhos negócios”. Alexandre Mouthon dá, ainda alguns exemplos de líderes de mercado que “apresentam modelos de negócios mais ‘leves’”, como é o caso da Alibaba, Uber, Airbnb ou até o Facebook.

Os fundos para seguir a inovação

O especialista da Pictet AM, apresentou um trio de fundos capaz de expor os investidores a oportunidades de investimento dentro do universo apresentado – Pictet Digital, o Pictet Security e ainda o Pictet Robotics. E foi nesse trio de produtos que se centrou para seguir a tecnologia e a inovação.

No caso do Pictet Digital, Alexandre Mouthon revela que o fundo “investe num universo de empresas que irão beneficiar da transição para o digital, com a criação de uma nova vaga de modelos de negócio que podem ser mais interativos e inovadores”. Na lista de empresas que fazem parte do universo elegível de investimento, destacam-se os gigantes Alibaba, Ebay, Amazon, Facebook ou até a Netflix.

Sobre o Pictet Security, o profissional da entidade fala de três grandes segmentos: os produtos IT de segurança, os serviços de segurança e ainda os produtos físicos de segurança. Estes três segmentos, “representam um mercado superior a 500 mil milhões de dólares, que juntam sectores como os da saúde, segurança, proteção de empresas e de pessoas e até de governos”.

Por fim, o Pictet Robotics que como tem vindo a evidenciar a própria Pictet AM, é um segmento com um enorme potencial para os próximos anos. Os “automatismos industriais”, a “tecnologia de base” e ainda as “aplicações destinadas ao consumidor e aos serviços” são os segmentos principais de investimento, num universo de empresas que supera os 1.250 mil milhões de dólares.

Alexandre Mouthon terminou relembrando os presentes das performances e o histórico das estratégias apresentadas, demonstrando que estas são muito mais que apenas uma história interessante.

Empresas

O Mais Lido

Próximos eventos