Tags: Negócio |

A família Natixis cresceu: Mirova adquire Althelia Ecosphere


A Mirova, uma filial da Natixis Global Asset Management, especializada em investimento responsável e com critérios ESG, iniciou negociações exclusivas para adquirir uma participação maioritária no capital da Althelia Ecosphere, uma gestora de investimentos de impacto com sede em Londres e fundada em 2012.

A atividade da Althelia centra-se na promoção e no financiamento de atividades responsáveis do solo, biodiversidade e atividades climáticas relacionadas com os ecossistemas. Uma das áreas de especialização da empresa são os investimentos inclusivos, em que procuram o máximo de ganhos do ponto de vista social, ambiental e económico. Desde a sua criação, a Althelia já conseguiu reunir e colocar em marcha um fundo cujo objetivo é investir em projetos de redução das emissões no setor florestal que geram aumentos dos níveis de dióxido de carbono em África, Ásia e América Latina, com contribuições das principais instituições do setor público e privado.

Da empresa dizem, através de um comunicado de imprensa, que esta aquisição vai representar “um grande passo em frente” no seu objetivo de ocupar uma posição de liderança nos segmentos dos investimentos alternativos sustentáveis. A compra da Althelia representa um papel muito importante neste propósito, tendo em conta os projetos que já foram realizados pela empresa. Concretamente, a Mirova tem colaborado desde 2015 com a Convenção das Nações Unidas de Luta contra a Desertificação (UNCCD) para lançar o projeto Land Degradation Neutrality Fund.

Este projeto gira em torno da construção de um veículo público-privado, que pretende investir em projetos rentáveis de reabilitação e gestão sustentável de solos em todo o mundo, e cuja execução daria lugar à criação de uma plataforma europeia dedicada ao investimento em capital natural, com sedes em Londres e Paris. O objetivo seria desenvolver soluções de investimento inovadoras, financiando atividades que abordem os principais problemas ambientais do planeta, como as alterações climáticas, a proteção da fauna e da flora, da biodiversidade e a conservação do solo e dos recursos marinhos.

Neste contexto, a aquisição da Althelia será uma mais valia, ao beneficiar da vasta experiência acumulada da empresa, e isto significa, por sua vez, “um excelente complemento para as capacidades de financiamento de projetos da Mirova, assim como para os especialistas ambientais, sociais e fornecedores que trabalham no projeto do fundo LDN”.

Uma vez concluída a operação – que será nas próximas semanas, os sócios da Althelia terão uma participação acionista significativa. Posteriormente, será colocado em prática um mecanismo de retirada progressiva para combinar os interesses a médio prazo e aumentar gradualmente a participação da Mirova na Althelia, durante os próximos cinco anos.

Acreditamos firmemente que o capital natural é a próxima fronteira de investimento de impacto e que são necessários conhecimentos especializados e massa crítica para abordar com êxito este mercado emergente, mas promissor”, comentou acerca da operação Philippe Zaouati, CEO da Mirova.

Empresas

O Mais Lido

Próximos eventos